Queridinho de todas as mulheres que querem engravidar, o teste de gravidez passou a ser um dos companheiros inseparáveis de final de ciclo. Mas não apenas se trata de uma tira de papel que se compra na farmácia. Existem diversas formas de descobrir se uma nova vida está a caminho.

Estrutura

Aqui vamos tratar de todos os tipos de teste, começando pelo mais rápido, graças ao mundo virtual: o teste de gravidez online. Calma! Você não vai precisar enviar amostra de sangue ou urina via internet. Para fazer o teste de gravidez online, responda às seguintes perguntas honestamente e deixe o aplicativo calcular a probabilidade de você estar grávida:

Teste de gravidez online

Passo 1 de 15
Você teve relação sexual sem usar camisinha ou outro método contraceptivo durante o último ciclo?
Passo 2 de 15
Usou a pílula do dia seguinte no último ciclo?
Passo 3 de 15
Sua menstruação está atrasada há mais de 5 dias?
Passo 4 de 15
Percebeu algum corrimento vaginal rosa ou marrom?
Passo 5 de 15
Observou algum corrimento vaginal transparente, elástico e abundante?
Passo 6 de 15
Teve cólica ou dor abdominal fora de época?
Passo 7 de 15
Notou mamas doloridas, mamilos mais sensíveis ou a aréola mais escura?
Passo 8 de 15
Surgiram ou aumentaram cravos e espinhas?
Passo 9 de 15
Sentiu enjoos e vontade de vomitar sem motivo?
Passo 10 de 15
Estava com sono ou tontura fora de hora?
Passo 11 de 15
Percebeu uma aversão a cheiros fortes como cigarros, por exemplo?
Passo 12 de 15
Viveu variações de humor sem causa aparente?
Passo 13 de 15
Sua temperatura corporal se elevou?
Passo 14 de 15
Precisou urinar mais do que normalmente?
Passo 15 de 15
Sentiu mais fome, particularmente por comidas específicas?

A evolução da área farmacêutica para kits de diagnósticos está a todo vapor, e um teste online de gravidez é um bom começo. Mas existe uma gama de métodos, inclusive os provenientes da crendice popular, como da água sanitária, do anel ou as famosas simpatias. Há também os exames mais completos de sangue e suas variações. Para quem ainda não ousou tentar fazer um teste destes, até parece um bicho de sete cabeças. Mas não é! Ainda mais para quem deseja engravidar, conhecer todos os tipos de testes de gravidez é muito importante para escolher o melhor para aquele momento.

Os testes têm ficado cada vez mais acessíveis e mais práticos1. Antes, o que era absurdamente incômodo para fazer, começou a ficar cada dia mais fácil, no conforto do seu lar. E o melhor, sem precisar tirar sangue! Com apenas algumas gotas de urina é possível saber se a mulher está grávida ou não.

Porém, é importante dizer que todos os testes de gravidez citados aqui são exclusivamente indicados após, pelo menos, 10 dias a partir do dia mais fértil, ou seja, após a provável fecundação. Devemos contar em um ciclo de 30 dias, por exemplo, 14 dias antes do dia de vir a menstruação, assim terá o dia mais fértil. Como nem todas as mulheres são reguladas, existe uma forma de ajudar a contar o dia mais fértil: a calculadora do período fértil é excelente para essa finalidade.

O que é o HCG e como ele aparece no organismo?

O HCG é um hormônio característico principalmente da gravidez. Ele é produzido após a fecundação, e na implantação, conhecida como nidação2, começa a aumentar com grande velocidade. O HCG é originado pelo conjunto de células que formarão o bebê e a placenta. Com a progressão do crescimento celular do embrião, os níveis do hormônio vão subindo consideravelmente e ele é secretado para a corrente sanguínea da mulher.

Podemos dizer que a função do HCG durante a gravidez é manter o corpo lúteo e, assim, impedir a eliminação do endométrio, o que causaria o fim da gravidez. Como forma de aumentar ainda mais essa proteção, além de um estilo de vida saudável, o ideal é também realizar a ingestão das vitaminas e nutrientes necessários para essa fase tão especial que é a gravidez. Sabemos que é recomendável que a ingestão de ácido fólico seja iniciada até antes mesmo de se ficar grávida para que, dessa forma, se possa evitar o risco de má formação do feto. Os médicos têm recomendado muito o Metilfolato, que é a forma ativa do ácido fólico. A Famivita tem a disposição a FamiGesta, que contém Metilfolato, e também o Metilfolato puro.

Por isso, é muito comum conseguir pegar um teste positivo com poucos dias de implantação, mesmo que os níveis sejam ainda bem baixos. Quanto mais tempo após a implantação, mais fácil será para identificar a gravidez. Também é bom ressaltar que em determinada altura da gestação, a produção desse hormônio é drasticamente reduzida.

IMPORTANTE: Com cerca de 25mui de HCG presente no organismo, é possível que alguns testes de gravidez sensíveis identifiquem a gravidez.

Pouco se ouve falar desta informação, porém é possível ter HCG no organismo sem gravidez. Este é proveniente de um pequeno tumor (na grande maioria dos casos benigno) secretor de HCG, e sempre em baixíssimas quantidades. É possível que aconteça em todas as idades, mas é mais comum na idade fértil de homens e mulheres. Homens? Sim! Homens podem ter níveis baixos de HCG em caso de tumores testiculares. Porém, são detectados apenas em testes muito sensíveis do hormônio.

Mulheres em fase lútea também podem ter uma quantidade muito baixa de HCG, proveniente da fecundação. Mas nesses casos, nunca aparecerá no teste de farmácia comum, apenas em testes extremamente sensíveis como o beta HCG quantitativo. Para mulheres grávidas, o HCG começa a aparecer muito rapidamente, cerca de 72 horas após a implantação. Porém, para se ter certeza absoluta do resultado, é sempre bom respeitar o limite mínimo de tempo para fazer o teste.

Quando posso fazer o teste de gravidez?

Essa é uma das dúvidas mais recorrentes entre as mulheres que estão tentando engravidar. Quando fazer o teste de gravidez para verificar se está grávida? Como o HCG começa a evoluir de fato após a implantação, o correto é aguardar alguns dias de atraso menstrual para realizar o teste. Alguns poucos dias de atraso são suficientes3. Recomenda-se cinco dias de atraso para realizar o teste de gravidez em ciclos regulares. Mas quando contar os dias de atraso menstrual não é possível,como em casos de ciclos extremamente irregulares, recomenda-se fazer o teste com pelo menos 20 dias da relação sexual ou do dia mais fértil para detectar ao menos a quantidade mínima de hormônio da gravidez. Lembrando que a partir de 10 mUI de HCG já há grandes chances de ter um bebê à caminho.

Teste de gravidez Beta HCG

Mais antigo e também mais usado pelos médicos, o teste de gravidez à base de sangue é a melhor e mais segura forma de saber se uma mulher está grávida ou não. Para fazer esse tipo de teste é preciso ir a um laboratório e retirar uma pequena quantidade de sangue. O sangue é colocado em uma centrífuga laboratorial e acontece a separação dos glóbulos vermelhos, brancos e plasma. A partir do plasma do material recolhido é realizado um procedimento para verificar se há ou não HCG no organismo. A assertividade do teste de HCG é muito grande. Porém, há ainda uma pequena margem de erro, de 1 a 2%, dependendo do caso. O beta HCG é o mais recomendado pelos médicos. Embora o teste de gravidez de farmácia tenha alcançado sua confiabilidade, ainda é provável que o seu médico dê uma guia para realizar esse teste caso haja suspeita de gravidez.

Beta qualitativo e quantitativo: qual escolher?

Nem todos sabem que existem duas formas de beta HCG, o quantitativo e o qualitativo. A diferença entre eles é bastante grande, apesar do nome parecido. O beta HCG qualitativo determina apenas se há no sangue quantias superiores a 25mUI. Nesse caso, significa positivo para gravidez. Enquanto isso, o beta HCG quantitativo é o método mais detalhado. No soro do sangue, determina-se se há uma certa quantia de HCG. Caso tenha, é feita uma contagem digital para determinar exatamente quantos mUI de HCG existem no sangue. É possível detectar desde 0,1 mUI de HCG e não há limite de quanto do hormônio pode ser detectado no sangue.

Para saber exatamente quanto HCG há no organismo, o teste de gravidez beta HCG quantitativo é a melhor opção. A quantidade de HCG ajuda a determinar o tempo de gravidez. Porém, há localidades no país que não possuem o beta HCG quantitativo, ou levam muitos dias para sair o resultado. Então neste caso, o beta HCG qualitativo pode tirar um pouco da curiosidade ou das dúvidas da possível futura mamãe. Ambos são perfeitamente eficientes e confiáveis se feitos na data correta.

Referências para positivo dos laboratórios

A quantidade determinante do positivo para o beta HCG pode variar de laboratório para laboratório. Porém, no geral se dá acima de 25 mUI ou 50 mUI. Há variações de limite mínimo para positivo, alguns acima de 10 mUI, outros acima de apenas 100 mUI. O importante é repetir o exame em alguns dias para acompanhar o crescimento do hormônio no organismo. Não é incomum encontrar alguma mulher confusa com o resultado do seu exame. Por isso, desenvolvemos uma pequena planilha que pode ajudar a tirar a dúvida na hora da leitura do teste.

Evolução do HCG no organismo

A evolução acontece muito intensamente nas primeiras semanas de gravidez. Isso porque a progesterona produzida pelo corpo lúteo faz com que o HCG seja estimulado com muita intensidade. Porém, a produção de HCG varia de mulher para mulher e a velocidade com que ele aumenta é proporcional à progesterona e estrogênio do seu organismo. Teoricamente o HCG deve quase dobrar a cada 48 horas. Esse é um ótimo indicativo de que a gravidez está indo muito bem em seu começo. No entanto, é possível ter um aumento da concentração mais lentamente ou menor que quase o dobro (esperado. Nesses casos é recomendável acompanhar o desenvolvimento do hormônio bem de perto, e também consultar um obstetra.

Calculadora de Beta HCG

Tempo estimado de dobra dos níveis de HCG com gráfico

Resultados

  • Diferença total de HCG:
    mUI/ml (%)
  • HCG dobrando cada:
    dias horas ( horas)
  • Aumento em 2 dias:
    mUI/ml (%) ()

Nem sempre a tabela que acompanha o resultado do exame é precisa. Cada organismo é diferente e a tabela dá apenas uma estimativa. Se o seu resultado deu abaixo do esperado, pode haver diversas condições para que isso esteja acontecendo. Algumas razões incluem implantação do embrião bem depois do prazo esperado, ovulação tardia, deficiência de progesterona e até mesmo algo errado com a gestação. Muitas mulheres optam por acompanhar a evolução da gravidez através de testes de gravidez de farmácia. Se forem usados testes da mesma marca e sensibilidade, não há problema algum. É seguro e é ainda mais eficiente quando feito com a primeira urina do dia. Quanto mais HCG no organismo, mais escuras as linhas do positivo irão ficar.

Teste de gravidez Beta HCG pode falhar?

Apesar de ser um teste de gravidez eficaz, o teste de beta HCG pode sim falhar. Não pelo exame em si, mas pelas condições em que a mulher fez a coleta do sangue. Isso porque, como dito anteriormente, é preciso de uma quantidade mínima de hormônio da gravidez no organismo para que o resultado seja confiável. Se fizer o teste muito antes do ideal, terá um resultado falso. Se a implantação do zigoto ainda nem aconteceu, e por algum motivo fizer o beta, certamente o teste não apontará a gravidez porque não havia ainda hormônio para ser detectado. Recomenda-se, então, fazer novamente o exame em alguns dias. O ideal são cerca de 7 dias após a realização do primeiro teste.

O contrário também pode acontecer! Há raros casos em que a mulher mesmo estando em estágio avançado de gravidez,não possui HCG detectável em seu sangue e nem na urina. Essa é uma condição isolada e ainda se encontra em estudo pela medicina para identificar o porquê desse fenômeno. Podemos dizer que entre 10 mil gestações, uma se enquadra nestas condições de não diagnóstico através do exame de sangue. Por isso, é recomendável que, no caso de suspeita, faça um exame de ultrassom para dar o diagnóstico preciso.

Teste de gravidez de farmácia

Eles vieram para mudar para melhor a vida da mulher que tenta engravidar, ou deseja apenas tirar uma dúvida simples. Estou grávida? Em menos de 5 minutos e em casa, é possível saber se a sua vida irá ou não mudar para sempre! Os testes são fabricados a partir de matérias primas simples: papel, plástico, corante e o chamado antissoro. Eles têm ganhado tanta popularidade entre as mulheres, exatamente pela facilidade de adquirir, fazer e interpretar.

São tantas marcas, sensibilidades e formas que podem confundir um pouco na hora de comprar. Porém, com essas dicas você vai ficar especialista em testes de gravidez de farmácia. A partir de agora, vamos desvendar o mundo do teste de farmácia: seus pontos fortes, suas falhas e, inclusive, as melhores marcas do mercado. Também vamos mostrar um pouco das linhas dos testes e o que elas significam, mesmo que o resultado seja negativo.

Tipos de teste de farmácia

Os tipos de teste de farmácia são variados. Por mais que a finalidade, e até mesmo o princípio seja parecido, nem todos são iguais. Existem basicamente três tipos:

Tiras: uma tira de papel, corante e anticorpos apenas dentro de um pacote lacrado com um saquinho de sílica (para evitar a deterioração do teste).

Caneta: um estojo de plástico envolve a tira de papel. O teste é o mesmo que o de tiras, mas normalmente é mais largo e por isso, um pouco mais caro também.

Digital: O teste digital tem o mesmo princípio do teste de tiras e caneta. A diferença é um sensor que há dentro dele que sabe identificar e dizer se o teste é positivo. Alguns testes específicos também dizem com quantas semanas aproximadamente a mulher está de gestação. Isso é possível através da concentração de corantes armazenados na tira de positivo.

Líquido: mais antigo, era comercializado nos anos 80 e começa a reaparecer no mercado exterior. Ele funciona no mesmo princípio, identificando o hormônio da gravidez no material coletado pela na urina. Porém, o resultado se dá através da mudança da cor do reagente. Azul é positivo, e amarelo é negativo. Este teste de gravidez de farmácia não está disponível para venda no Brasil.

Os resultados desses testes são de leitura simples, mesmo no ClearBlue que demonstra um sinal no lugar da segunda linha, que é a de resultado. Caso apareça um sinal de +, então, parabéns, você está grávida!

Como funciona o teste de gravidez

O teste de gravidez de farmácia é feito para encontrar o HCG no material coletado, ou seja, a urina. É bastante semelhante ao teste feito para beta HCG qualitativo nos laboratórios, mas a grande diferença é realmente o material usado. Além da tira com corante, lá existe uma faixa de “anticorpos” que vai capturar o hormônio característico da gravidez. Além dela, existe uma linha de controle que mostra se o teste funcionou ou não.

É preciso mergulhar a tira ou caneta no material coletado até onde a marca indica, e em seguida aguardar o tempo especificado na bula do teste de gravidez. Neste momento, quanto mais hormônios tiver no material, mais escura a linha do resultado vai ficar. Caso não haja gravidez, apenas uma das faixas, que é a de controle, aparecerá. Se aparecerem duas linhas, então o resultado será positivo. Caso apareça apenas a linha de resultado, o teste é invalidado, bem como se não aparecer linha alguma ou ele ficar manchado. Neste caso, recomenda-se repetir o teste com outra tira de teste.

Teste de gravidez antes ou depois do atraso?

Esta é com toda certeza uma informação muito importante. Saber exatamente quando se pode fazer o teste de gravidez é essencial para evitar problemas e decepções. O indicado é fazer o exame após o atraso menstrual. Porém, há mulheres que têm o ciclo desregulado e por isso não conseguem identificar o atraso menstrual. Como dito anteriormente, o hormônio apenas aparece após a implantação. Por isso, é preciso que a gravidez já esteja em andamento para que possa ser identificada. É necessário ao menos uma quantia de 25mUI de HCG para detectar a gestação. Portanto, até mesmo o beta HCG qualitativo deve ser feito após o atraso menstrual, ou 20 dias após a relação sexual que teria sido responsável pela fecundação.

Os exames que podem ser feitos ainda antes do atraso menstrual são os de alta sensibilidade. O exame de sangue beta HCG quantitativo é um grande aliado nestes casos. Porém, há testes de farmácia com alta sensibilidade de HCG, de apenas 10 mUI, que irão detectar a gestação bem no começo. Para descobrir qual é a sensibilidade do teste de gravidez de farmácia, basta ler a bula ou a embalagem. Para exames de sangue, vale uma consulta ao laboratório antes de ir até lá.

Como fazer teste de gravidez

Para fazer o teste de gravidez, é preciso ter pelo menos cinco dias de atraso menstrual ou há 20 dias da data mais fértil ou relação sexual com “risco” para a gravidez acontecer. Isso porque o zigoto leva cerca de 5 dias para chegar ao útero e implantar, e só após isso, será possível detectar a gravidez.

IMPORTANTE: O teste deve ser feito preferencialmente com a primeira urina da manhã.

Isso porque a con